TAP Portugal  
 
 
 
 
 
 

Compras

Mercados, centros comerciais ou ruas movimentadas. Artesanato, moda ou sapatos. Na hora de fazer compras, cada um tem a sua preferência, mas Caracas oferece opções para todos os gostos. O mais difícil vai ser arranjar espaço na mala para tanta coisa...

Mercados como o La Hoyada, Chacao ou Guaicaipuro podem ser um bom ponto de partida para quem quer fazer compras, já que oferecem diversidade de oferta e preços baixos, permitindo também conhecer um pouco melhor o animado estilo de vida dos habitantes da cidade. Para encontrar artigos de artesanato local, como camas de rede, esculturas índias ou cerâmica, a zona de El Hatillo, a cerca de meia hora do centro, é a mais indicada. Uma vez lá, é inevitável visitar a Hannsi (www.hannsi.com.ve), onde pode comprar imagens religiosas, velas e artesanato ou sentar-se e provar (ou escolher e levar para casa) um bom café venezuelano. Se preferir ficar pelo centro, procure a Maquita ou a Tipico Tabuada, perto da Catedral. Outra opção é o Paseo de Las Flores, onde há cerca de 30 lojas de artesanato. Se quiser ser um verdadeiro caraqueño (habitante de Caracas) não pode deixar de ir a um dos enormes centros comerciais da cidade. O Sambil tem cinco pisos e, além de lojas, inclui um aquário, uma queda de água e até um museu. San Ignacio, El Recreo e Tamanaco são igualmente grandes superfícies com muitas lojas de roupa e imensas sapatarias. A zona de Las Mercedes é a ideal para quem gosta de passear ao ar livre enquanto faz compras. E se precisar de uma pausa, não faltam cafés, restaurantes e galerias de arte. O edifício La Francia, perto da Plaza Bolívar, é o melhor local para comprar joias e bijutarias venezuelanas a bom preço.

Compras: outros destinos

Genebra Dubrovnik Bolonha Amesterdão
Genebra Dubrovnik Bolonha Amesterdão