TAP Portugal  
 
 
 
 
 
 

Ilhas

Se o inverno em Estocolmo é rigoroso e convida a ficar em espaços fechados, o verão é recebido com toda a euforia pela população, que escolhe os inúmeros espaços verdes para celebrar. Oficialmente, o solstício de verão é recebido em festa, com coroas de flores e trajes típicos. As ilhas de Djurgarden e Skepps Holmen são dois dos destinos mais procurados.

Para receber o verão, os habitantes de Estocolmo erguem uma cruz, constroem coroas de flores e vestem os trajes típicos que dão cor às danças e cânticos populares. O palco da celebração é Skansen, na ilha de Djurgarden, um museu ao ar livre no centro de Estocolmo, ideal também para outros passeios fora da época festiva. O parque foi inaugurado em 1891, com o objetivo de dar a conhecer os hábitos de vida (passados e presentes) dos suecos. Por isso é possível encontrar chalés de camponeses e quintas senhoriais, bem como atividades profissionais típicas: sapateiros, padeiros, artesãos ou sopradores de vidro. Nos jardins, podem ver-se animais num pequeno zoo e árvores típicas dos países nórdicos. É nesta ilha que se encontram o Nordiska Musseet (museu dedicado à história cultural da Suécia), o Museu Biologiska (que mostra a fauna sueca), a casa da Pipi das Meias Altas e o Gröna Land. Outro dos recantos imperdíveis é a pequena ilha Skepps Holmen, repleta de jardins e museus. O mais famoso é o Moderna Museet, inaugurado em 1998, quando Estocolmo foi Capital Europeia da Cultura. Visitar os jardins deste museu é uma verdadeira viagem ao "Paraíso" (assim se chamam as esculturas coloridas que aí existem desde 1972). A pequena ilha está rodeada de embarcações e estaleiros, onde são conservados barcos e canoas de profissionais e amantes dos desportos náuticos.

Ilhas: outros destinos

Recife Faro Horta Ponta Delgada
Recife Faro Horta Ponta Delgada