TAP Portugal  
 
 
 
 
 
 

Angola

Uma costa a perder de vista com belas praias, ilhotas e restingas, florestas, savanas e parques naturais ricos em fauna e flora exóticas, desafiam os visitantes a uma viagem memorável. No Sudoeste africano, Angola tem um clima que varia entre a época das chuvas e a estação mais seca e menos quente. Quem por lá passa encontra um povo acolhedor e sempre alegre.

Em franco crescimento económico, Angola tem uma população estimada de 18.500 milhões de habitantes, com mais de cinco milhões concentrados na região da capital, Luanda. Rica em recursos minerais, como petróleo, diamantes, gás natural, ferro, cobre ou ouro, esta antiga colónia portuguesa, que sofreu com a guerra da independência (1961-1974) e a guerra civil (1974-2002), oferece a quem a visita um pouco de todos os tesouros naturais de África. Da floresta tropical, no Norte, até ao deserto, no Sul, passando pela savana abertas do planalto central, Angola revela-se uma nação de contrastes, com fauna e flora tropicais deslumbrantes. A oeste, a linha costeira de 1.650 km é banhada pelo oceano Atlântico. O país faz fronteira com o Congo, a norte e a nordeste, com a Zâmbia, a leste, e com a Namíbia, a sul. As chuvas caem entre Outubro e Abril, enquanto a estação mais seca e menos quente, prolonga-se de Maio até Agosto. Na costa, os termómetros registam uma média anual de 23ºC. À mesa, os angolanos não hesitam e apresentam iguarias deliciosas que combinam os toques africanos com portugueses e brasileiros. Funge, Muamba, o peixe fresco ou seco e o feijão cozinhado no óleo de palma merecem atenção especial.

Informações úteis ao viajante

Moeda Fuso horário
Kwanza GMT+1
Língua Escritório local TAP
Português (oficial). Existem mais 42 línguas, entre as quais o Umbundo, o Quimbundo (ou Kimbundu) e o Quicongo (ou Kicongo) são as mais faladas. Contacte-nos