TAP Portugal  
 
 
 
 
 
 

Aventura

Conhecer a cultura de uma cidade é ter contacto com as diferenças que a povoam. Se, por um lado, "a Cidade Maravilhosa" atrai turistas pela sua beleza natural e praias maravilhosas, por outro lado é uma cidade cujas desigualdades que separam os seus seis milhões de habitantes obrigam a um olhar mais profundo.

A segurança e a organização dos bairros mais chiques do Rio de Janeiro contrastam com a pobreza e falta de regras dos morros mais pobres. Visitar a cidade é ter noção destes contrastes, por isso as favelas assumiram uma tal importância que é possível ir em visita guiada por duas ou três, para conhecer os seus recantos. Encavalitadas nos morros, espalham-se por várias áreas e são já uma imagem de marca do Rio de Janeiro, num total de quase um milhar. Os turistas menos impressionáveis que querem conhecer este outro mundo e ter contacto com estas comunidades e as suas gentes podem embarcar numa visita guiada às favelas de Vila Canoas e da Rocinha (a maior do Rio, com 200 mil habitantes, onde acaba o elegante Bairro de São Conrado). Se à distância parecem pitorescas, por dentro revelam uma complexa arquitetura e explicam melhor certos aspetos da sociedade brasileira. Mas convém também não esquecer que é das favelas que vem a maior parte das escolas de samba que participam no Carnaval do Rio. Parte dos lucros das visitas são investidos em projetos comunitários (ver www.favelatour.com.br).

Aventura: outros destinos

Natal Recife Bilbau Sevilha
Natal Recife Bilbau Sevilha