Conteúdo

5 locais que não pode perder na Transilvânia

5 atrações que você não pode perder em Colónia

Com fácil acesso a partir de Bucareste, a Transilvânia é a região mais visitada da Romênia. É, de fato, uma região recheada de belíssimos povoados e locais de grande relevo histórico que vale a pena descobrir. Mesmo esquecendo o afamado Castelo de Bran (popularmente conhecido como “Castelo do Drácula”) que catapultou a região para os holofotes do turismo europeu, eis cinco atrações que você não pode perder na Transilvânia. Seja sozinho, com amigos ou em família – porque as crianças vão adorar os palácios e castelos.

1

Castelo de Peles

Situado em Sinaia, no sopé das montanhas Bucegi, com fácil acesso a partir de Bucareste, o castelo de Peles é uma obra-prima da chamada arquitetura nova-renascentista alemã, e considerado por muitos como o mais espetacular entre todos os castelos da Transilvânia.

São mais de 160 quartos distribuídos por três mil metros quadrados edificados. É imponente, gigantesco e muito diverso. Uma das grandes riquezas de Peles é, aliás, a diversidade de estilos decorativos usados no interior do palácio, com muitas das divisões a serem inspiradas em distintas culturas do planeta. Como uma sala de inspiração turca, para fumar cachimbo de água. Uma parada obrigatória em qualquer roteiro de viagem na Romênia.
 
1

Prejmer

Prejmer é uma das mais bem preservadas aldeias com igrejas fortificadas protegidas pela UNESCO e, além disso, é conceitualmente fascinante. De uma forma simplista, é uma igreja em estilo gótico protegida por uma muralha circular com quatro metros de espessura, colada à qual estão construídas quase 300 divisões onde os habitantes viviam e guardavam víveres para sobreviverem em situações de cerco prolongado. Um sistema de aprovisionamento tido como um dos mais engenhosos e bem-sucedidos da Transilvânia. 

Na verdade, a igreja fortificada de Prejmer sempre teve uma missão muito exigente: sendo esta a aldeia saxã mais oriental da Transilvânia, estava frequentemente na linha da frente dos ataques inimigos. Por causa disso, teria de suportar mais cercos do que a maioria das outras fortalezas da região. E resistiu. Absolutamente imperdível.
1

Brasov

Brasov é a segunda maior cidade da Transilvânia e, sem qualquer dúvida, uma das cidades mais atrativas – e visitadas – da Transilvânia. É o destino romeno onde normalmente os turistas passam mais tempo, e com razão.

Da praça Sfatului – ponto nevrálgico do centro histórico de Brasov – à imponente Igreja Negra; da Strada Sforii – de que dizem ser a rua mais estreita da Romênia – à belíssima Igreja de São Nicolau; passando pelo sobranceiro monte Tâmpa ou o tranquilo lago Lacul Noua, a verdade é que não falta o que fazer em Brasov. É um destino absolutamente recomendável, para ver de preferência com algum tempo.

1

Sighisoara

Sighisoara é, muito provavelmente, a mais bonita cidade da Transilvânia. Não há outra forma de o dizer. A sua cidadela, saída de um conto de fadas medieval, é absolutamente encantadora. Porque é pequena, bonita e bem cuidada; e, acima de tudo, tem alma.

Sim, o centro histórico de Sighisoara não é um museu ao ar livre, despido e inodoro. É, ao invés, um local habitado por gente e onde todas as manhãs chegam crianças para a escola, inclusive vindos da parte baixa da cidade.

Como curiosidade adicional, Sighisoara é também a cidade natal de Vlad Dracul, que deu origem à personagem literária do “Conde Drácula" criada por Bram Stoker.

1

Sibiu

Pelas suas dimensões – terceira maior cidade da Transilvânia –, Sibiu poderia ter perdido o charme típico das cidadezinhas medievais da Transilvânia. Não é, felizmente, o caso. Talvez por ser um dos centros universitários mais importantes da Romênia, a velha Sibiu não é uma cidade de fachada. Tem alma. É uma cidade voltada para as artes, a pulsar de criatividade e culturalmente vibrante. E isso torna-a fascinante.

Se eu já tinha ficado encantado com a beleza da pequena Sighisoara, Sibiu é porventura ainda mais especial. Absolutamente imperdível!
Por Filipe Morato Gomes / Alma de Viajante