Conteúdo

Problemas de Saúde - Saiba se pode viajar

Problemas de saúde

Aconselhamos os nossos passageiros, que estiverem atravessar uma situação clínica específica, como devem proceder antes e durante a viagem.

A sua saúde em primeiro lugar

Alerte sempre a TAP sobre os seus problemas de saúde para que possamos prestar a melhor assistência possível.

 
Aqui encontra alguns conselhos gerais sobre viajar com problemas de saúde.

Medicação

    1. Se usa medicação injetável (ex: insulina) e vai viajar para um país de recursos limitados, certifique-se de que transporta consigo os medicamentos e acessórios necessários suficientes para a viagem e estadia. Leve também consigo a respetiva indicação médica escrita.
    2. Não deixe de tomar a medicação habitual de acordo com a prescrição médica. Transporte os medicamentos necessários para o efeito na sua bagagem de mão.

Solicite Autorização Médica para Embarque em caso de apresentar:

  • Gessos ou talas de imobilização;
  • Doença cardíaca crónica (ex.: angina de peito, insuficiência cardíaca);
  • Doença respiratória crónica (ex.: bronquite, enfisema);
  • Enfarte agudo do miocárdio recente;
  • Acidente vascular cerebral recente;
  • Doença infeciosa ativa ou contagiosa não tratada;
  • Internamento hospitalar recente;
  • Cirurgia recente, em particular torácica, abdominal, craniana ou ocular;
  • Necessidade de transporte em maca;
  • Necessidade de cuidados médicos, de enfermagem ou paramédicos;
  • Necessidade de oxigénio extra ou outro equipamento médico a bordo;
  • Gravidez com complicações ou após as 36 semanas de gestação ou 32 semanas quando a gravidez é múltipla;
  • Febre, tosse persistente ou vómitos;
  • Diabetes ou epilepsia, com complicações recentes;
  • Falta de ar ao andar e subir escadas;
  • Manchas na pele que podem estar relacionadas com doença contagiosa;
  • Confusão mental, comportamento inapropriado, sugestivo de intoxicação por álcool ou drogas;
  • Qualquer doença não controlada ou passível de ser agravada pela viagem;
  • Condição física ou comportamental que possa ser perigosa ou de desconforto para os outros passageiros, em termos de segurança de voo.

Deve solicitar à companhia aérea uma Autorização Médica para Embarque (MEDIF). Para nós deve entregar o impresso Medical Information for Fitness to Travel - MEDIF (Parte 2) (PDF, 0.1MB, PT), devidamente preenchido pelo seu médico assistente.

Depois este documento é analisado por um médico da TAP que informá-lo-á, posteriormente, se pode viajar e em que condições.


Após preenchido, o MEDIF deve ser enviado para:

  • FAX nº (+351) 21 841 5880
  • Email: medical.cases@tap.pt
    (este endereço de e-mail serve apenas para assuntos relacionados com o MEDIF, pelo que outras questões serão desconsideradas).

Para viajar sozinho deve ser capaz de:

  • Respirar espontaneamente sem necessidade de oxigénio suplementar;
  • Alimentar-se autonomamente;
  • Transferir-se do lugar para a cadeira de rodas;
  • Comunicar com a tripulação e seguir os seus conselhos ou instruções;
  • Usar os sanitários sem ajuda da tripulação;
  • Administrar a sua própria medicação.

Deve viajar acompanhado por outra pessoa se não conseguir:

  • Desapertar o seu cinto de segurança, abandonar o seu lugar e alcançar uma saída de emergência sem ajuda;
  • Retirar e colocar o colete de segurança sem ajuda;
  • Colocar a máscara de oxigénio sem ajuda;
  • Compreender o briefing de segurança ou qualquer conselho ou instrução dados pela tripulação de forma acessível, em caso de emergência.
Saiba mais sobre a assistência médica que a TAP disponibiliza aqui.