Conteúdo

3 lugares "fora da caixa" para conhecer em Viena

3 lugares "fora da caixa" para conhecer em Viena

No imaginário coletivo, Viena é quase sempre descrito como uma cidade burguesa e monumental e, talvez por isso, nunca a capital austríaca esteve entre os meus destinos prioritários. Não poderia estar mais equivocado. É certo que o Palácio Schönbrunn, a Ópera, os bailes e os grandes museus continuam a existir. E ainda bem. Mas Viena é hoje muito mais do que isso: é também uma cidade vibrante e alternativa, com espaço para museus, cafés, lojas e projetos independentes mais “fora da caixa”. Eis três desses locais mais alternativos.
1

Museu KunstHaus Wien

Porventura um parente pobre entre os grandes espaços museológicos de Viena, o KunstHaus Wien é, no entanto, um museu verdadeiramente alucinante. Meio louco, meio génio, meio pintor, meio arquiteto e com uma figura a fazer lembrar o cantor português António Variações, vi na arte de Friedensreich Hundertwasser a loucura delirante de Gaudí misturada com o colorido vibrante de Miró e o traço infantil de uma criança.

Mesmo não sendo entendido na matéria, a verdade é que adorei a criatividade excêntri-ca e provocatória de Hundertwasser. Ao ponto de visitar o seu museu ter sido das coisas mais surpreendentes que fiz em Viena. Sim, mesmo não sendo um dos mais conceituados, o KunstHaus Wien é muito provavelmente, em termos de impacto no visitante, um dos melhores museus de Viena.
Bruxelas
1

Supersense

A Supersense é a apologia do analógico no coração de Viena. O seu café faz parte dos bons cafés que conheci em Viena, mas é a loja que se distingue de tudo o resto. Nu-ma zona da cidade recheada de cafés, restaurantes da moda, lojas e galerias de arte, a Supersense é a estrela improvável da avenida Praterstrasse. Uma mistura entre estúdio de gravação, café, estúdio fotográfico, gráfica e loja de elementos vintage e analógicos – mas uma loja difícil de catalogar.

Na Supersense, por exemplo, pode identificar cheiros (no laboratório do cheiro); criar o seu próprio vinil; fazer fotografia analógica em polaroids; imprimir cartões e convites usando letras de imprensa em carimbos antigos; e comprar artigos diversos, incluin-do máquinas Polaroid e papel para as mesmas. Deve integrar qualquer lista com o que fazer em Viena.
Ghent
1

Restaurante Hase & Igel (vegetariano)

O Hase & Igel é um restaurante vegetariano muito simples e com um toque hipster. Tem um menu de almoço que inclui uma sopa deliciosa e um prato vegetariano igualmente saboroso, servidos numa esplanada com apenas quatro ou cinco mesas. Não deve haver muitos outros restaurantes com melhor relação qualidade / preço e o melhor de tudo é que fica numa das melhores áreas onde ficar em Viena - um hub criativo onde vale a pena deixar-se perder e usar como base para explorar a cidade. Recomendo vivamente!
Por Filipe Morato Gomes / Alma de Viajante

Inspire-se com nossas sugestões

Explore nossos destinos

Viena
Áustria Viena
Família Cultura Romance
Cidades mais próximas
      Selecionar data
      Selecionar datas
      Gosto
      Ver versão acessível no youtube.
      WishList
      Compartilhe